MULHERES QUE MUDARAM O CURSO DA HISTÓRIA

Postado em 13/03/2012

Tags:

MULHERES QUE MUDARAM O CURSO DA HISTÓRIA

  

Mulheres que mudaram a lei e o curso da história

As filhas de Zelofeade falam o que é justo; certamente lhes darás possessão de herança entre os irmãos de seu pai...” Nm 27.7

O capítulo 27 de Números nos apresenta cinco mulheres (Mogla, Noa, Hogla, Milca e Tirza) que para defender seus direitos, tiveram que questionar o sistema da sociedade patriarcal em que viviam. Elas eram mulheres a frente de seu tempo, eram mulheres de Deus, mulheres com visão. Elas eram filhas de Zelofeade da tribo de Manassés. Seu pai havia morrido no deserto, ele não completaria a missão de chegar à Terra Prometida e, portanto, as terras prometidas a esta família agora estavam comprometidas, visto que a herança dos pais só poderia ser passada para filhos do sexo masculino. Diante do impasse e risco de perder a herança do pai e a perpetuação de seu nome, essas mulheres se organizaram e foram até Moisés, líder do povo para reivindicar os seus direitos. Essas mulheres não se conformaram com uma lei injusta, afinal elas serviam a um Deus que é justo juiz. Elas reclamaram por direitos igualitários que beneficiasse a todos e todas. Elas não tinham lido o texto de Gálatas 3.26-28, porque ele ainda não havia sido escrito, mas certamente que situações como a destas mulheres motivaram o autor a escrever a seguinte frase: “Pois todos vós sois filhos de Deus mediante a fé em Cristo; porque todos quantos fostes batizados em Cristo, de Cristo vos revestistes. Dessarte não pode haver judeu nem grego; nem escravo, nem liberto; nem homem, nem mulher; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.”

 

Que lições podemos tirar a partir do exemplo destas mulheres? Podemos tirar muitas lições a começar pelo significado de seus nomes.

 

Macla: significa “confiança”, o Salmo 125 diz: “Os que confiam no Senhor são como o monte de Sião que não se abala, mas permanece para sempre”, ou seja, sem confiança não podemos vencer desafios. Noa: Significa “aquela que ninguém pode deter”, é a mulher determinada, perseverante. Hogla: Significa “aquela que não tem os pés amarrados”, ou seja, aquela que pode caminhar, que pode avançar em direção aos seus objetivos. Milca: Significa “aquela que tem autoridade” e um servo/a fiel tem autoridade no Senhor.  Lembra-me o refrão do hino 408 que diz: Todo o poder o Pai me deu, na terra, como lá no céu! Ide, pois, anunciai o evangelho (evangelho é boa nova de justiça). E eis-me convosco sempre. Particularmente, o verso 2 que diz: Portas abertas eis por todo o mundo! Cristãos, erguei-vos! Sempre avante andai! Crentes em Cristo, uni as vossas forças, da escravidão os povos libertai! E por fim, Tirza: que significa “deleite, a delícia da vida e prazer de Deus”, aquela que pode se alegrar em Deus.

 

Mas o que elas fizeram mesmo?

1)    Romperam com a frase: As coisas sempre foram assim mesmo, deixa pra lá! Mas para isto, elas tiveram que ter coragem, iniciativa, não esperaram as coisas acontecer, elas “arregaçaram as mangas e foram á luta!”

 

2)    Trabalho em equipe:  É muito comum em situação de herança a família brigar entre si, mas elas diferente disto, se uniram, procuraram a pessoa certa, no lugar certo, na hora certa e principalmente falaram o que era necessário conforme diz Colossenses 4.6.

 

3)    Equilíbrio: Percebemos que não houve tumulto, descontrole emocional. Elas mantiveram a calma, porque quando Deus está de fato no controle de nossas vidas temos o domínio próprio e a certeza de que tudo acabará bem. O que não podemos fazer, Deus fará por nós!

 

4)    Por fim, os frutos: Em Números 36.10 podemos ver o cumprimento da promessa.  Elas receberam a herança, mas não para por aí, por causa da sua reivindicação, elas mudaram a lei e o curso da história e a partir dai, outras mulheres foram beneficiadas. Estas mulheres fizeram valer o significado de seus nomes, mas acima de tudo, fizeram jus ao nome do Deus a quem elas serviam.

 

Parabéns a todas as mulheres de nossa igreja que não se calam diante das injustiças. Que Deus continue a fortalecê-las na fé e na certeza de que você é capacitada para fazer a diferença nesta terra.

 

Homens: Orem pelas mulheres e não se esqueçam de cumprimentá-las pelo dia internacional da mulher.

 

Que Deus abençoe a todos/as.

 

Um abraço amigo da pastora Patrícia. 



« Voltar